loading

Novos selos no mercado editorial brasileiro

Originários da República Democrática do Congo, um dos países mais violentos do planeta, um grupo de seres se destaca exatamente pelo perfil contrário ao do meio em que vivem. São os chamados chipanzés-pigmeus, ou bonobo. Essa espécie se trata com docilidade, são altruístas, gentis, pacientes, sensíveis, têm facilidade de aprendizado e se adaptam a qualquer situação.
Inspirada nessas características desses seres que são considerados nossos primos mais próximos, a editora Novo Século lança o selo Bonobo que será dividido em: Bonobo Kids, Bonobo Teen e Bonobo Crime, Mistério e Suspense. Se os bonobos conseguem manter esse instinto pacífico vivendo em um país violento como o Congo, é possível difundir a leitura em um país considerado de poucos leitores, como o Brasil.

 bonobo-kids

O livro de estréia do selo Bonobo Kids será Coisas Que a Garotada Pode Fazer Para o Mundo Não Acabar, de Almir Correia, com ilustrações de Dalton Hernandez Chiarioni. O livro fala sobre a importância da preservação do meio ambiente para a preservação da vida.

 

bonobo-crimesJá o Bonobo Crime, Mistério e Suspense estréia com Quem Matou Cristian Kustermann, do chileno Roberto Ampuero e Morte de um Inglês, da inglesa Magdalen Nabb. Todos os livros desta série possuem design padrão, com formato pocket (12,5 x 19).

 

 

bonobo-teenO selo Bonobo Teen estréia com o livro A Verdade sobre os Garotos, de Jason Boyet. O livro é voltado para as meninas e revela segredos do enigmático universo masculino teen.


Comentários fechados

Wp Plugin by capn3m0